sábado, 30 de outubro de 2010

Para os chineses, a saúde depende do equilíbrio da energia vital que circula em nosso corpo, regida por duas forças complementares: yin e yang.
Pessoas com predominância yin são friorentas, pálidas, gostam de dormir, têm pouca sede e urinam muito. Já as com predominância yang são agitadas, calorentas, exibem rosto avermelhado, suam muito, urinam pouco e têm bastante sede.

Antes de começar a dieta você precisa saber:
. A dieta chinesa não possui contraindicação, desde que a aôvaliação e a escolha dos alimentos sejam corretas, de acordo com o desequilíbrio energético de cada um.
. Para potencializar a perda de peso, associe a dieta a exercícios físicos. Sessões de acupuntura também ajudam a manter saudável o equilíbrio energético do corpo.
. Estômago vazio por mais de três horas causa distúrbios no fluxo energético e pode desencadear compulsão alimentar. Não pule nenhuma refeição.

Além  disso, devemos focar no processo digestivo, deve-se respeitar também os diversos hormônios que estão presentes no organismo e seus horários. Confira o que é mais indicado de acordo com a refeição:

Café da manhã: carboidratos complexos (integrais), já que quando acordamos o hormônio do cortisol está elevado e esses alimentos diminuem o seu nível.

Lanche da manhã e da tarde: é a melhor hora para ingerir frutas. A maioria delas tem índice glicêmico baixo, não permitindo que haja altas secreções de insulina, hormônio que junto com o cortisol forma as gordurinhas indesejáveis.
 Almoço: a prioridade é proteína, por ser um nutriente que se digere em meio ácido. Não deve ser consumido com nenhum amido como, por exemplo pães, massas e arroz, já que são digeridos em meio alcalino, o que dificulta a digestão, rouba energia do próprio organismo e ainda produz toxinas.

Jantar: a melhor pedida são os carboidratos, que abrem caminho para a melatonina, hormônio responsável pelo sono. Isso significa que ingerir esse nutriente nesse horário é ideal. No entanto, esse tipo de alimento deve ser consumo até 4 horas antes de dormir, no máximo, para que não haja comprometimento na liberação do hormônio do crescimento (o cortisol).
dieta-chinesa-www.dietasurgentes.com
Dieta Chinesa
Ceia: é a última refeição do dia e por isso é bem importante. Deve ser feita com proteína vegetal, tipo soja, castanhas, nozes e amêndoas (mas atenção: essas três últimas têm alto teor calórico, vá com moderação). O motivo é simples: nas primeiras horas de sono há uma grande liberação do hormônio do crescimento e a proteína não interfere nesse processo. Portanto, está liberada.

Quando o lado Yang predomina:
prevalece a sensação de calor, pele quente, voz alta e atitude ativa. O YANG interage com facilidade, faz contatos fácilmente, é expansivo, tende a ser lider e tem boa força muscular. O Yang é sexualmente ativo. O gordo Yang é aquele que concentra a gordura no tórax e no peito (forma de maçã), tem abdome estufado e duro, musculatura forte, tendência à hipertensão arterial. Quando desequilibrados emocionalmente, podem reagir com manifestações de iras. No momento seguinte podem chorar pedindo desculpas. Podem alternar simpatia com ódio. Pessoas excessivamente YANG tornam-se afobadas, fazem confusão, brigam no trânsito e nas filas, vivem com o "coração na mão", gerando uma cascata de adrenalina, cortisol e radicais livres que minan a saúde de todos os órgãos.

Quando o lado Yin predomina:
prevalece a sensação de frio, mãos frias, frio na região lombar e genital, peso nas pernas, varizes, preguiça, cansaço, sonolência e diminuição da libido. O gordo YIN concentra a gordura no abdome inferior (forma de pêra), flacidez muscular no abdome, coxas e braços, celulite e pernas inchadas. Emocionalmente os desequilíbrios YIN expressam-se nas tristezas, distimias e depressões. Há tendência a engolir sapos, se abafar e não fazer valer a própria vontade.

Existem alguns alimentos que podem ser considerados alimentos neutros, ou seja, com um bom equilíbrio yin/yang:

- Cereais integrais (arroz, aveia, cevada, milho, centeio, trigo, trigo sarraceno, painço, etc.)
- Sementes (de gergelim ou sésamo, de girassol, de abóbora, linhaça, etc.)
- Legumes


 
Abaixo vou descrever os alimentos yin e yan para ajudar na sua dieta:

Alimentos yin:

Álcool
Açúcar
Mel
Café
Chá
Ervas aromáticas e especiarias
Óleo, azeite, gorduras sólidas e vinagre
Sumos de legumes e de frutas frescas

Existe ainda um grupo de alimentos que, apesar de yin, não o são de forma tão marcada, quanto os anteriores. São por isso chamados de alimentos yin intermédios, e situam-se entre os alimentos yin e os alimentos neutros:

Carnes vermelhas
Caça
Ovos
Queijos curados
Sal
Miso e tamari

Alimentos que se situam entre os predominantemente yang e os neutros são os alimentos yang intermédios:
Carnes brancas
Pescado (peixe, crustáceos, moluscos)
Queijos pouco curados (frescos)
Leite e natas

Precisamos entender mais a filosofia oriental para melhor aproveitar os benefícios dessa dieta, que promete além do emagrecimento, uma vida saudável e feliz.



Para sua dieta, prefira incluir os alimentos:
7 lições do Oriente

Conheça alguns dos grandes ensinamentos do livro Por Que as Chinesas não Contam Calorias:

· Não enxergue a comida como inimiga, mas como algo saboroso.
· Os vegetais devem ser a base da nutrição - sempre cortados cuidadosamente e cozidos, sem ficar moles.
· Não limite a alimentação ao que está acostumada. Tente novos sabores.
· Coma bem devagar. Lembre-se de que seu organismo demora um pouco pra registrar quanto você já comeu. Saboreie!
· Evite consumir bebidas durante as refeições. Para hidratar o corpo, tome sempre um pouco de sopa ou prepare ensopados.
· Em cada refeição, procure compor o prato com alimentos que tenham os cinco sabores: ácido, amargo, doce, salgado e picante (ver pág. ao lado).
· Tome chá verde durante o dia, entre as refeições

Fruta fresca
Frutos secos
Algas
Cogumelos
Legumes de folha verde
Leguminosas (feijões, incluindo a soja, ervilhas, lentilhas)
Iogurte
Kefir

Alimentos yang:

Alimentos Yang indicados para pessoas predominantemente Yin:

Temperos picantes: alho, cebola, alho-poró, cheiro verde, noz moscada, pimenta, raiz forte.
Verduras e legumes, forma de preparo: cozidos, "ao vapor", refogados ou sob a forma de sopas. Proteínas animais: carne bovina, frutos do mar, peixes, aves. Forma de preparo: cozidos com temperos fortes.
Entre as frutas preferir:
mamão, pêssego,damasco, figo, maçã, ameixa seca, uva passa, e frutas assadas ou cozidas com canela.
Entre os grãos : feijões, lentilha, milho.
Chás indicados : marapuama, ginseng, catuaba, cravo e canela, chá verde, chá mate, chá preto, chimarrão.

Alimentos Yin indicados para pessoas predominantemente Yang:

Verduras e legumes crus na forma de salada temperada com limão, azeite e folhas de hortelã. Entre elas : alface, rúcula, acelga, tomate, pepino, cenoura, beterraba, broto de feijão.Peixes e peito de frango grelhado, lombo de porco assado temperado com limão.
Entre as frutas preferir:
melão, melancia, abacaxi, pêra, tangerina, banana.
Entre os cereais :
arroz integral e aveia.
Chás indicados: hortelã, camomila, casca de abacaxi, chá de maçã, boldo, carqueja, flor de laranjeira.
.
Como sei que é difícil elaborar um cardápio, vou dar uma ajudinha que você pode ir modificando com outros alimentos que já falamos neste post, para a dieta não ficar monótona.
Dica dada pela nutricionista Aline Camargo Vieira, para você perder 3k em 10 dias seguindo este cardápio :
 
.
Esse post foi baseado em várias matérias de revistas e internet
Opção 1Opção 2Opção 3Opção 4
Café da manhã1 banana amassada
com 1 col. (sobremesa)
de aveia e 1 col. (chá) de mel + 1 xícara de chá verde
1 batata-doce
pequena cozida
com 1 col. (chá)
de mel e canela
 + 1 xícara
de chá verde
3 cols. (sopa) de arroz--doce (feito com leite de soja e sem açúcar) +
1 col. (chá) de mel + 1 xícara de chá verde
3 cols. (sopa) de mingau
de aveia (feito com água) com 1 col. chá) de mel e canela +
1 xícara de chá verde
Lanche1 maçã média1 goiaba média1 banana pequena1 manga pequena
Almoço3 cols. (sopa) de
arroz integral +
1 concha pequena de feijão preto +
1 filé de peito de frango temperado com uma pitada de curry + 1 col. (sopa) cheia de cenoura cozida + 1 prato de sobremesa
cheio de salada crua (alface, tomate, agrião
e acelga) temperada
com limão e azeite
3 cols. (sopa) de arroz integral com 1 col. (sobremesa) rasa de gergelim + 1 concha pequena de feijão carioca + 1 filé pequeno (ou 3 cubos) de carne de porco magra + 1 col. (sopa) cheia de abóbora cozida e refogada com cebola + 1 prato de sobremesa cheio de salada (alface e pimentão vermelho)3 cols. (sopa) de arroz integral +
1 concha pequena
de feijão preto + 3 cubos de carne ermelha cozida e refogada
com cebola +
1 col. (sopa) cheia de
brócolis cozido + 1 prato de sobremesa
cheio de salada (alface, couve e beterraba)
temperada com limão e azeite
3 cols. (sopa) de macarrão
integral cozido e refogado
com legumes e 1 ovo +
1 col. (sopa) de vagem cozida +
1 prato de sobremesa
cheio de salada crua
(alface, rúcula e cenoura) temperada
com limão e azeite
Lanche1 fatia média de
bolo de milho +
1 xícara de chá
(de sua preferência
Limão, maracujá e couve batidos no liquidificador com um pouco de água1 fatia média de bolo de
aveia com uva passa + 1 xícara de chá
(de sua preferência)
1 fatia média de bolo
integral com castanhas
(nozes e castanhas-do-pará)
+ 1 xícara de chá
Jantar1 prato fundo de sopa de lentilha com legumes variados1 prato fundo de sopa de missô* com legumes variados1 prato fundo de sopa
de grão-de-bico com
legumes variados
1 prato fundo de sopa
de couve-flor
com tomate
Ceia1 xícara de chá
de camomila
1 xícara de chá
de erva-doce
1 xícara de
chá de cidreira
1 xícara de
chá de melissa

Tagged: , ,

0 comentários: